Adtech Chiligum recebe aporte de R$ 2 milhões da GVAngels e BR Angels

A startup Chiligum anunciou nesta semana aporte de R$ 2 milhões capitaneados pelos grupos de investimento GVAngels e BR Angels Smart Network. Fundada em 2013 pela designer Deborah Folloni, a adtech oferece automação criativa para reproduzir peças publicitárias para os mais variados formatos e públicos da internet em um tempo que promete ser até 13 vezes menor do que equipes de profissionais de marketing e criação. Entre seus clientes estão nomes como Magalu, iFood e Ambev.

A primeira rodada de investimento da Chiligum ocorreu em 2015, na qual o investidor-anjo Alexandre Badolato fez um aporte de R$ 600 mil. Naquele momento, o investimento foi revertido em tecnologia e no desenvolvimento de uma solução para automatizar a produção de vídeos. De início, o público-alvo da marca era de pequenas e médias empresas, mas logo perceberam que precisavam pivotar e desenvolveram o conceito automação criativa.

Wlado Teixeira, diretor executivo do GVAngels e que liderou o investimento da GV Angels na Chiligum, conheceu a adtech no começo de 2018. Porém, naquele momento, Deborah – hoje com apenas 27 anos – sentia que a empresa ainda não tinha um modelo de negócios que comportasse uma segunda rodada de investimento anjo.

Durante dois anos, ampliaram a tecnologia para outros formatos de anúncios digitais, como banners e imagens, direcionaram suas ações de vendas para grandes varejistas e anunciantes e viabilizaram a escalabilidade da adtech. Além disso, a empresa ganhou dois sócios na operação: primeiro, Leonardo Sales, co-fundador da Movile (grupo por trás de empresas como iFood e Playkids), que antes era cliente, e ao entender rapidamente o potencial da empresa, virou sócio-investidor e executivo junto com a Deborah no dia a dia da operação. Em seguida Rogerio Benetti, que se juntou à dupla para liderar os desenvolvimentos de tecnologia da companhia.

Crescimento

“Hoje a startup atua em um segmento que tende a crescer muito, principalmente neste momento de pandemia, no qual muitas empresas estão investindo pesado em e-commerces. A solução oferecida pela empresa traz a agilidade de produção de campanhas publicitárias que o mercado necessita”, analisa Wlado Teixeira. “Além disso, a Chiligum já iniciou o seu processo de internacionalização. O Brasil representa menos de 1% do marketing digital mundial e como a solução da Chiligum tem claros diferenciais competitivos, resolve dores que são globais. A empresa já está atendendo clientes no exterior”, complementa.

Com o novo aporte do GVAngels e do BR Angels, a Chiligum afirma que continuará investindo em tecnologia e no crescimento da empresa. “O objetivo que perseguimos com este novo investimento é o go to market, ou seja, ter uma equação escalonável de vendas. Acreditamos que a rede de relacionamento e a experiência dos dois grupos de investidores anjo é muito estratégica para elevar a Chiligum a esse patamar, pois certamente já vivenciaram os desafios que estamos vivendo agora”, conclui Deborah Folloni, CEO da Chiligum.

Our location

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur elit. Quisque quis quam ipsum

m